Saiba usar o FGTS para ajudar na compra da casa

Você sabia que pode usar o seu FGTS – Fundo de Garantia do Tempo de Serviço para iniciar a realização do sonho de ter a sua casa própria? Além disso, o valor desse benefício pode ser usado de outras maneiras relativas à aquisição da sua residência.

Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue lendo este artigo e descubra tudo a respeito de como usar o FGTS para ajudar na compra da casa.

Dica: Caixa reduz juros e aumenta limite para financiamento de usados 

Quando usar o FGTS para casa própria

Além de você ter a possibilidade de usar o saldo da sua conta do FGTS para ajudar com a entrada do imóvel, é possível utilizar esse valor de outras maneiras, todos elas associadas a sua residência. Uma delas é para a construção da sua casa.

Portanto, se você deseja construir o seu lar do jeito que deseja, ao invés de adquirir um imóvel pronto, é possível usar o FGTS para pagar pela mão de obra. Mas se você já comprou a sua casa própria, pode usar o dinheiro para amortizar ou mesmo liquidar a dívida existentes.

Nesse caso, entretanto, você consegue usar o valor do seu benefício apenas se o financiamento fizer parte do Sistema Financeiro Habitação. Outra forma de usar o FGTS para casa própria é com o objetivo de pagar parte do valor das prestações.

Desse modo, pode-se reduzir em até 80% o valor das prestações, no máximo, em 12 meses consecutivos. Da mesma forma, esse financiamento deve ter sido feito por meio do Sistema Financeiro Habitação.

Nos casos de financiamento, é importante saber que você precisa pagar as taxas previstas para a contratação do mesmo. E, no caso de comprar o imóvel à vista, é necessário pagar a Taxa de Intermediação do FGTS, sendo que o seu custo depende da Tabela de Tarifas da Caixa.

Dica: Dicas para comprar o primeiro imóvel 

Como utilizar o FGTS para casa própria

O primeiro passo para usar o FGTS para casa própria é fazer a consulta do saldo da sua conta no FGTS. É importante ainda verificar quanto desse valor você pode usar para alguma das operações envolvendo o seu imóvel.

O passo seguinte é juntar todos os documentos necessários, que devem ser levados até a Agência da Caixa mais próxima ou mesmo a um Correspondente Caixa Aqui. Depois de avaliar a documentação, o banco avisa o resultado.

Veja a seguir quais são os documentos que você precisa reunir para ter em mãos:

  • Extrato da conta vinculada ao FGTS;
  • Documento de identificação;
  • Carteira de trabalho ou, em caso de trabalhador avulso, uma declaração do sindicato ou de outro órgão competente;
  • Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física;
  • Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física do cônjuge se você for casado ou tiver união estável.

Saiba ainda que, em alguns casos, existem mais documentos. Verifique no site da Caixa mais informações para as situações excepcionais.

Dica: Tipos de financiamento imobiliário

Quem pode usar o FGTS para casa própria

Além de saber quando você pode usar o FGTS para casa própria e o que deve ser feito, é importante identificar se você está apto a utilizar o benefício. Entre os pré-requisitos, é necessário ter a carteira de trabalho assinada, pelo menos, durante três anos.

Não é preciso que seja em um mesmo emprego, mas sim que, somando todos os trabalhos com carteira assinada, se atinja esse tempo mínimo. Também é preciso que você não tenha um financiamento ativo no Sistema Financeiro de Habitação, mesmo em outro estado.

Da mesma forma, você não pode ter um imóvel residencial urbano em seu nome na mesma cidade onde reside, trabalha ou em regiões próximas. Além disso, é preciso que o imóvel também contemple alguns requisitos.

Entre eles, o local onde você pretende morar deve ser avaliado pelo preço máximo de R$ 1.500.000,00, o que serve para todos os estados do país. O imóvel deve ainda ser residencial urbano, servir para a sua moradia e estar totalmente em condições de habitação.

Dessa forma, você não pode comprar uma casa para outras pessoas morarem, mesmo que sejam os seus dependentes. E mais, o imóvel deve possuir matrícula no Registro de Imóveis competente e não ter nenhum problema legal que impeça a sua venda.

Por fim, o imóvel escolhido para ser a sua casa não pode ter sido, anteriormente, comprado com o FGTS. Pelo menos, não antes de completar três anos.

Portanto, vale saber também que o dinheiro do benefício não pode ser usado para adquirir um imóvel comercial, nem para aumentar ou mesmo reformar a sua casa e tampouco para comprar terrenos ou material de construção.

Dica: O que é amortização no financiamento?

Para qualquer procedimento ser realizado com sucesso, é necessário que o cliente obtenha todas as informações sobre o imóvel antes de tomar qualquer decisão, e o diferencial da DF Casa Imóveis é que proporcionamos justamente isso à todos os nossos clientes. Temos o prazer em lhe auxiliar no que precisar, entre em contato conosco e saiba mais sobre nossos serviços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *