Entenda sobre Reajuste de aluguel e o IGP-M

Sempre que nos deparamos com o aumento de preço de alguns produtos no supermercado, ou ouvimos falar de reajustes de diversas taxas e tarifas, logo, um sinal de alerta acontece, tanto para quem já mora de aluguel ou está começando a entender sobre como alugar um imóvel.

E para não ser pego de surpresa ou até para se preparar melhor, entenda como funciona o reajuste do aluguel; 

Quando ocorre o reajuste de aluguel?

Muitos que procuram imóveis na Zona Leste de São Paulo para locação, possuem durante o processo algumas dúvidas, e alguma delas que responderemos é sobre o valor do aluguel, e se há algum reajuste neste valor e quando ocorre. 

A resposta é sim, o reajuste de aluguel é anual e acontece após o aniversário de contrato, e é aplicado no mês subsequente (13º mês).

Este aumento é previsto em contrato, e acordado para ambas as partes, conforme a lei do inquilinato, constando uma cláusula de reajuste anual.

Quem determina o valor do aumento?

Outra dúvida comum que muitos inquilinos ou futuros inquilinos possuem, é quem determina este aumento. Se é o proprietário ou a administradora do imóvel, caso o imóvel seja administrado por alguma imobiliária. 

Normalmente o reajuste do valor de aluguel, não é determinado pelo proprietário, como muitos pensam, e sim pelo IGP-M, sigla, que significa Índice Geral de Preços Mercado, onde este índice é mensalmente divulgado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). 

Além de controlar os índices do aluguel o IGP-M regula outros produtos de matéria-prima agrícola como milho, algodão, soja e preços de mensalidades de escolas, tarifas públicas e planos de saúde.

Nota-se que o IGP-M é um dos mais importantes índices e sua alteração tem grande influência do dólar e do momento econômico vivido, para seus resultados.

É importante observar, que quando a economia segue estável, esses índices ficam em baixa e o impacto do reajuste do aluguel acaba sendo menor. Porém qualquer traço de instabilidade, existem (impactam) em grandes aumentos no reajuste anual do aluguel. 

Destacamos, o valor de você entender e acompanhar assuntos de economia, principalmente no acompanhamento dos índices, para nunca ser pego desprevenido, no seu reajuste anual de aluguel.

Veja as 10 dúvidas frequentes sobre alugar um imóvel

Como é feito o cálculo do reajuste?

Ao realizar o cálculo, é analisado a variação acumulada dos últimos 12 meses e a partir deste valor, o aumento é aplicado. 

Para ser calculado o IGP-M tem como base, outros 3 índices que compõem seu cálculo:

  • IPA-M: Índice de Preços do Atacado-Mercado – Quem tem um peso de 60% no seu cálculo.
  • IPC-M: Índice de Preços do Consumidor-Mercado – Com peso de 30% no cálculo.
  • INCC-M: Índice Nacional de Custo da Construção-Mercado – Peso de 10% no cálculo.

A fórmula usada para o cálculo é:

Por exemplo, para contratos com reajustes previstos em Julho de 2020, o índice dos últimos 12 meses são de 7,31%.

Caso não acompanhe, conte com nosso conteúdo semanal, e comente suas principais dúvidas e se mantenha atualizado.

O que você gostaria de ler no nosso blog? Escreva um comentário abaixo. E não se esqueça de seguir a DF Casa Imóveis no Facebook e Instagram, e se inscreva no nosso canal do Youtube e se surpreenda com nosso conteúdo por lá também.

A DF Casa Imóveis é uma imobiliária em Itaquera na Zona Leste especialista em Imóveis na Zona Leste e Imóveis em Itaquera. Entre em contato conosco que com certeza teremos o imóvel ideal pra você e toda sua família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *